• Mulher
  • Homem
  • Mamã e Bebé
  • Espaço Animal
Click for more products.
No produts were found.

Colagénio e retinol: guia completo para entender a sua importância na rotina de beleza

Dermocosmética

O colagénio e o retinol são amigos inseparáveis quando se trata da saúde da pele. O colagénio está presente, de forma natural, no seu organismo, e o segundo é o combustível do primeiro. Explicamos neste artigo a importância de cada um, os seus benefícios e como devem ser incorporados nos cuidados de beleza diários.

Colagénio: a proteína que é essencial para a sua saúde

O que é o colagénio?

O colagénio é a proteína mais abundante no corpo humano, presente na pele, músculos, tendões, cartilagens e ossos. Representa cerca de 25% da proteína total e mais de 70% do peso seco da pele.

É uma macromolécula estrutural, pela sua capacidade de proteção dos tecidos e reforço dos ligamentos que sustentam músculos, ossos e órgãos. Está presente em tudo, sendo possível, pela sua ação, fazer atividades tão rotineiras como caminhar, escrever ou dançar.

A partir dos 25 anos a produção de colagénio diminui, com perdas de cerca de 1% por ano. Como consequência, surgem lesões, processos inflamatórios e a pele começa a dar os primeiros sinais de envelhecimento.

8 benefícios do colagénio

  1. Aumenta a elasticidade da pele

  2. Aumenta a hidratação da pele

  3. Fortalece ossos, articulações, unhas e cabelo

  4. Garante mobilidade das articulações

  5. Melhora a sustentação e firmeza da pele

  6. Previne e trata dores articulares, artroses e osteoporose

  7. Previne o aparecimento de celulite e estrias

  8. Previne o envelhecimento precoce

20 Alimentos ricos em colagénio

A Organização Mundial da Saúde recomenda o consumo de 9 g de colagénio por dia, principalmente a partir dos 50 anos. Pode fazê-lo pela suplementação de colagénio hidrolisado (consumir com alimentos ricos em vitamina C) ou aumentando a ingestão de alimentos ricos em colagénio, nomeadamente:

  • Alho

  • Aveia

  • Batata-doce

  • Beterraba

  • Cavala

  • Cebola

  • Cenoura

  • Clara de ovo

  • Frutos secos

  • Frutos vermelhos

  • Gelatina

  • Laticínios

  • Meloa

  • Peru

  • Romã

  • Salmão

  • Salsa

  • Sementes

  • Tomate

  • Truta

Cuidados de beleza para uma pele saudável

O colagénio é essencial para manter a estrutura, a firmeza e a elasticidade da pele. Para além dos cuidados com a alimentação e suplementação, procure incluir na sua rotina de beleza diária, produtos com ativos que aumentem a produção de colagénio.

Substâncias como o retinol, ácido hialurónico, antioxidantes e ácido glicólico, promovem a síntese do colagénio, contribuindo para manter a sua pele bonita e saudável por mais tempo, protegendo-a das agressões do meio ambiente e prevenindo o envelhecimento precoce.

Porque deve incluir hoje o retinol na sua rotina de beleza

O que é o retinol?

O retinol é uma molécula, derivada da vitamina, que atua na genética das células, aumentando a capacidade de renovação da pele e os níveis da produção das fibras de colagénio e elastina. Está presente em produtos de dermocosmética e é um dos mais populares ingredientes anti-idade que existe no mercado.

10 benefícios do retinol

  • Ajuda a diminuir a formação de cravos e espinhas

  • Ajuda a eliminar as células mortas da pele

  • Aumenta a firmeza da pele

  • Aumenta a produção de fibras de colagénio e elastina

  • Promove a renovação celular

  • Reduz a flacidez, linhas e rugas

  • Reduz o tamanho dos poros e controla a oleosidade

  • Trata manchas na pele e tem um efeito clareador

  • Suaviza as cicatrizes e marcas de acne

  • Uniformiza o tom, textura e luminosidade da pele

A partir de que idade devo começar a usar retinol?

O retinol é um excelente aliado na prevenção do envelhecimento e combate de manchas na pele. As primeiras linhas de expressão, rugas e manchas, pés-de-galinha ou flacidez vão dar sinais quando bater a década dos 30 anos. Se a ideia é prevenir o envelhecimento precoce, então, o melhor será começar a aplicar produtos com retinol a partir dos 25 anos.

Quais os cuidados a ter com o retinol?

Nas primeiras aplicações, é necessário alguma cautela, uma vez que, até a pele se habituar à substância, pode surgir vermelhidão, sensação de calor ou descamação. É sinal que o produto está a fazer efeito.

O período de adaptação costuma ser entre 2 a 4 semanas, se os efeitos persistirem após este tempo ou sentir grande desconforto, suspenda a aplicação, abuse da hidratação e contacte o seu dermatologista.

Se usar retinol em creme, basta aplicar normalmente, no caso dos sérum deve-se aplicar um hidratante de seguida. O retinol deve ser aplicado ao deitar e basta uma pequena quantidade, do tamanho de uma ervilha, para aplicar no rosto e no pescoço. Na manhã seguinte, use sempre protetor solar.

Evite combinar o retinol com outros produtos com ácidos glicólico, lático, cítrico, mandélico, ascórbico, málico e salicílico. Use em conjunto apenas com ativos mais hidratantes como ácido hialurónico, água termal ou vitamina B5.

Agora que conhece os principais benefícios do colagénio e retinol, é tempo de encontrar os produtos mais adequados para o seu rosto. Fale com o seu dermatologista ou farmacêutico, os profissionais mais indicados para avaliar as necessidades da sua pele.